Facebook está treinando robôs para avançar o estudo de Inteligência Artificial.

Guilherme Silva – aluno Tech 2o semestre

Dentro de um pequeno laboratório na sede do Facebook, robôs estão sendo treinados pela empresa, mas não com o intuito dominar o mundo. A iniciativa da empresa em treinar essas máquinas usando inteligência artificial vai além de produzir novos produtos, a companhia está investindo para que todo o mercado tecnológico possa se beneficiar dos resultados. 

O objetivo central é melhorar a qualidade da IA no geral, fazendo com que ela seja capaz de exercer funcionalidades similares ao cérebro humano como andar e observar. O objetivo é que essa IA possa desenvolver as habilidades e aprender conforme eles executam as atividades passadas pelos programadores. 

Esse aprendizado pode ser usado para, por exemplo, aperfeiçoar o algoritmo de detecção de vídeos com conteúdo considerado ofensivos ou impróprios. Isso poderia evitar situações como ocorrido durante o atentado na nova Zelândia, na ocasião o massacre foi transmitido ao vivo dentro da plataforma e compartilhado na rede. A vantagem para o Facebook nesse desenvolvimento é explorar a capacidade que a IA tem de acompanhar o grande volume de conteúdo postado na plataforma a cada instante.

O futuro da inteligência artificial é muito promissor, poder treinar esses robôs para que eles realizem atividade exaustivas é um ótimo ponto para facilitar as nossas vidas ou torná-la, de alguma forma, mais segura.